unnamed (2)

Na última quinta-feira, estudantes secundaristas do DF marcharam e pararam o trânsito em Brasilia contra o retrocesso e em defesa da democracia. Mais de mil estudantes estudantes fizeram um ato na Avenida W3 Sul com as pautas “Por mais direitos, liberdade e democracia!”, pararam o trânsito com palavras de ordem, cartazes contra a volta da ditadura militar e conta o golpe a democracia estiveram levantados durante o ato inteiro.

“Eu acredito na educação, e as ruas são a melhor maneira de lutar por ela. O PL da Mordaça quer nos calar, quer tirar a voz dos estudantes, e nós não queremos isso.” – Diz a liderança do CEDLAN Jéssica Sousa. Ao final do ato os estudantes fizeram um jogral em frente o Pátio Brasil conduzido pelo militante e poeta urbano Matheus Diniz aonde falaram para toda a população ao redor do porque do ato.

“Acredito que os estudantes estão ligados no que tem acontecido ao país, percebem a onda golpista que quer retirar direitos conquistados e nossa democracia. Esse ato aconteceu em diversas capitais brasileiras em defesa da liberdade de expressão, não vão tirar nossa voz, lutamos muito e muitos morreram no passado para que pudéssemos falar o que pensamos!” afirma o presidente da entidade Leonardo Matheus.

Anúncios