whatsapp-image-2016-11-07-at-16-34-04A Câmara Legislativa do Distrito Federal realizou na tarde desta segunda-feira, um audiência pública para debater as ações do movimentos estudantis, as ocupações das escolas e a repressão à livre manifestação de pensamento.

Thays Oliveira, presidente da União dos Estudantes Secundaristas do DF participou da audiência e falou sobre as ocupações das escolas pelos estudantes contra a MP do ensino médio e contra a PEC 241. “Os estudantes denunciam a decisão do juiz Alex de Oliveira, que autorizou métodos de tortura contra os jovens”. Ao final pediu um minuto de silêncio em memória do jovem morto na ocupação no Paraná e homenageou Honestino Guimarães, “podem nos prender, podem nos matar, mas um dia voltaremos e seremos milhões”.

 

De Brasília

Augusto Madeira

Anúncios